@mcleodmanna

É provável que já tenha ouvido que a exposição dos cabelos ao calor é sinónimo de danos, por mais pequenos que sejam. Ora bem, este cenário não é necessariamente uma verdade absoluta. Embora seja uma boa ideia tentar reduzir ao máximo a utilização de ferramentas de styling, se mantiver a temperatura abaixo dos 230 graus, em princípio, ficará tudo bem.

O problema é que muitas mulheres com cabelos afro, dos encaracolados aos crespos, não sabem disto ou simplesmente não se importam. Na altura em que pegam no secador ou no alisador, veem os resultados pretendidos como uma prioridade e é nesse pensamento baseado no “fazer agora, remediar depois” que está a armadilha. Uma vez que os danos causados pelo calor surgem, não há volta a dar. Basicamente, é necessário cortar as partes danificadas e começar de novo. 

As pontas espigadas são o sinal mais evidente de danos causados pelo calor, mas há outros que conseguem ser menos óbvios. Conheça sete deles:

  1. Os caracóis não “saltam”. Em primeiro lugar, qual é o aspeto dos seus caracóis? Estão como sempre foram ou, de repente, ficaram sem vida e com partes semi — ou talvez completamente — lisas? Se se identifica mais com o segundo cenário, isso poderá ser um indicador de que ocorreram danos;
  2. O seu cabelo está “esquisito”. Os fios saudáveis são suaves ao toque. Por outro lado, quando ocorrem danos causados pelo calor, ficam secos, ásperos e até mesmo ‘chamuscados’. Também notará que as pontas não estão uniformes, ou seja, umas estão muito mais finas do que outras;
  3. Nota falta de elasticidade. Quando o cabelo está saudável, deve conseguir puxar um fio e, ao largá-lo, ele retoma a forma original. Se ele se partir, isso significa que está demasiado seco, por conta da falta de hidratação e, provavelmente, porque ocorreram danos causados pelo calor;
  4. Falta de brilho. Após lavar o cabelo e usar amaciador, os fios deveriam estar mais lustrosos do que antes de dar início ao processo. Se, em vez disso, eles ficarem baços, é um sinal de que algo não está bem;
  5. Mais queda do que o costume. A queda é um processo natural. Em média, perdemos entre 50 a 100 fios de cabelo por dia. Mas a utilização exagerada de ferramentas de styling ativadas pelo calor pode originar uma perda excessiva;
  6. Não consegue pintar o cabelo por nada. O cabelo naturalmente escuro pode ser difícil de pintar em casa, mas se os fios não ficam com a cor pretendida, independentemente do que fizer, isso pode ser um sinal de alerta — o calor pode ter afetado a porosidade dos fios. Procure um profissional. De qualquer forma, esta é sempre a melhor opção no que toca a colorações;
  7. O seu cabelo está *sempre* seco. O cabelo afro só precisa de hidratação e recebe-a quando bebemos muita água, usamos amaciador e máscaras, e aplicamos um óleo leve duas ou três vezes por semana. Mas se, independentemente do que fizer, o seu cabelo estiver seco, esse é mais um sinal de danos causados pelo calor. Isto verifica-se particularmente quando ele fica bastante embaraçado e é difícil de manipular.

Se reparar nestes sinais, isso não significa que tenha de preparar a tesoura para fazer um grande corte. O próximo passo deve ser procurar um cabeleireiro profissional, que saberá exatamente o que fazer daqui para a frente.

Palavras-chave

Mais no portal

Mais Notícias

Artur Jorge: o exercício físico da poesia

Artur Jorge: o exercício físico da poesia

Indiferentes às polémicas, Letizia e Felipe VI cúmplices e apaixonados em Londres

Indiferentes às polémicas, Letizia e Felipe VI cúmplices e apaixonados em Londres

PR diz que ataques com tinta por ativistas climáticos perderam eficácia

PR diz que ataques com tinta por ativistas climáticos perderam eficácia

Bosch e Microsoft querem usar IA para tornar estradas mais seguras

Bosch e Microsoft querem usar IA para tornar estradas mais seguras

VOLT Live: como aumentar a competitividade e concorrência no mercado do carregamento de veículos elétricos

VOLT Live: como aumentar a competitividade e concorrência no mercado do carregamento de veículos elétricos

Venha conhecer o BYD Seal U

Venha conhecer o BYD Seal U

Em “Senhora do Mar”: Manuel revela a sua paixão a Joana

Em “Senhora do Mar”: Manuel revela a sua paixão a Joana

CDU contesta fim de cirurgias ao cancro da mama em várias unidades de saúde

CDU contesta fim de cirurgias ao cancro da mama em várias unidades de saúde

Giorgio Armani propõe veludo, flores e infuências orientais para o próximo inverno

Giorgio Armani propõe veludo, flores e infuências orientais para o próximo inverno

Encha a casa de verde, inspire-se na Natureza

Encha a casa de verde, inspire-se na Natureza

Brinquedos didáticos, livres e que estimulem a criatividade. Onde? Na Color Square

Brinquedos didáticos, livres e que estimulem a criatividade. Onde? Na Color Square

Os Incoerentes: a história de movimento artístico à frente do seu tempo

Os Incoerentes: a história de movimento artístico à frente do seu tempo

O avanço da sustentabilidade ambiental nas empresas

O avanço da sustentabilidade ambiental nas empresas

"O Chega copia matérias e campanhas do ADN. Estamos a ser roubados por quem tem mais poder"

10 cidades com encanto: Ideias de viagem para conhecer o País… antes de ir a votos

10 cidades com encanto: Ideias de viagem para conhecer o País… antes de ir a votos

Porque existem anos bissextos?

Porque existem anos bissextos?

Portugal integra projeto para aproveitar hidrogénio verde para transportes públicos

Portugal integra projeto para aproveitar hidrogénio verde para transportes públicos

Black Trumpet: no reino encantado dos cogumelos

Black Trumpet: no reino encantado dos cogumelos

Desfile de famosos na passadeira dos SAG Awards

Desfile de famosos na passadeira dos SAG Awards

Portugal visto pelos estrangeiros

Portugal visto pelos estrangeiros

Na Escola Básica da Mata canta-se a liberdade!

Na Escola Básica da Mata canta-se a liberdade!

Caras Decoração de fevereiro: tranquilidade e aconchego em primeiro lugar

Caras Decoração de fevereiro: tranquilidade e aconchego em primeiro lugar

Os lugares desta História, com Isabel Stilwell: Elvas, capital do Império onde o sol nunca se põe

Os lugares desta História, com Isabel Stilwell: Elvas, capital do Império onde o sol nunca se põe

Dos idos de Março 62 às eleições de Março 24

Dos idos de Março 62 às eleições de Março 24

"O Chega copia matérias e campanhas do ADN. Estamos a ser roubados por quem tem mais poder"

Quando a cantiga foi uma arma

Quando a cantiga foi uma arma

Novo Dacia Spring: mais por menos

Novo Dacia Spring: mais por menos

Celebridades assistem ao regresso da Dior às origens

Celebridades assistem ao regresso da Dior às origens

Saccharum Resort, na terra do ouro branco

Saccharum Resort, na terra do ouro branco

A dieta que afugenta a apneia do sono

A dieta que afugenta a apneia do sono

Poesia e estranheza

Poesia e estranheza

A VISÃO Se7e desta semana - edição 1617

A VISÃO Se7e desta semana - edição 1617

Eficiência de recursos: a encruzilhada dos serviços alimentares

Eficiência de recursos: a encruzilhada dos serviços alimentares

Em “Cacau”: Anita descobre que Filó não é mãe de Cacau

Em “Cacau”: Anita descobre que Filó não é mãe de Cacau

Aos 53 anos, Naomi Campbell é rainha da

Aos 53 anos, Naomi Campbell é rainha da "passerelle" em Milão

“A Madrugada que Eu Esperava”: Novas canções de Abril no Teatro Maria Matos

“A Madrugada que Eu Esperava”: Novas canções de Abril no Teatro Maria Matos

A transformação no segmento do Renting & Frotas

A transformação no segmento do Renting & Frotas

Quase metade das pessoas com doença rara não é seguida em centros de referência

Quase metade das pessoas com doença rara não é seguida em centros de referência

Costa disponibiliza segurança pessoal a líderes partidários após ataque a Montenegro

Costa disponibiliza segurança pessoal a líderes partidários após ataque a Montenegro

Xiaomi Redmi Note 13 Pro+: topo de gama

Xiaomi Redmi Note 13 Pro+: topo de gama

Vídeo mostra evolução da construção da cidade futurista The Line, na Arábia Saudita

Vídeo mostra evolução da construção da cidade futurista The Line, na Arábia Saudita

Mary Jane - de onde vêm e como usar estes sapatos

Mary Jane - de onde vêm e como usar estes sapatos

Manuel Luís Goucha volta à RTP para reviver dupla com Sónia Araújo

Manuel Luís Goucha volta à RTP para reviver dupla com Sónia Araújo

Kate estará disposta a perdoar Meghan se William lhe pedir isso

Kate estará disposta a perdoar Meghan se William lhe pedir isso

Vítor Matos é o chefe que mais brilha no Guia Michelin Portugal

Vítor Matos é o chefe que mais brilha no Guia Michelin Portugal

Parceria TIN/Público

A Trust in News e o Público estabeleceram uma parceria para partilha de conteúdos informativos nos respetivos sites