“Embora exteriormente pareça uma mulher saudável de trinta e dois anos, no início do ano recebi a notícia de que tinha cancro no pulmão e era incurável” – este é o ponto de partida de um percurso que já sabemos como acabou: Lara da Rocha Vaz Pato morreu a 27 de Maio de 2022, aos 31 anos. Curiosamente, este não é um livro fúnebre, e também não é um livro só sobre cancro. O inesperado diagnóstico, no princípio da pandemia e numa idade em que as pessoas se preocupam com coisas como comprar casa ou ter filhos, levou Lara Vaz Pato a pôr tudo em causa: a forma como vivia, os seus pensamentos, até o seu passado.

E a pergunta ‘quem sou eu?’ trazida pela doença leva-a numa viagem onde, apesar de ela dizer que escreve apenas para si própria, o leitor se sente acolhido. Portanto, esta é uma ‘espécie’ de autobiografia na sombra – mas também na luz – do fim.

Não é um livro absolutamente nada português. Não há aqui choradinho nem pieguices nem aquela coisa de ‘o cancro fez de mim melhor pessoa’. As angústias e o medo não se evitam e fala-se delas abertamente, tal como da reação dos outros. Lara conta-nos por exemplo as reações à careca: “As reações mais desconfortáveis à minha careca provinham de pessoas que não eram nem minhas amigas nem estranhas. Sempre que encontrava uma dessas pessoas, a expressão no seu olhar era um misto de curiosidade e de pânico.”

Ela própria partilha dos dois sentimentos em relação a si própria: curiosidade e pânico. Mas não deixa de ver o lado melhor de tudo, até de ter cancro. Rimo-nos muito com este livro, o que pode parecer estranho a quem não perceba como o humor pode tornar a vida – e a morte – suportável. Afinal, o humor sempre foi uma arma poderosa contra o medo.

Lara partilha connosco muitos episódios da sua vida: a relação estreita com a mãe e difícil com o pai, a morte da mãe quando Lara tinha 12 e o pai aos 20, a aproximação da irmã, a pressão de estudar em Portugal durante a crise dos anos 2000. Seguimos os seus estudos, o mestrado em física e o doutoramento em engenharia biomédica, a sua luta para viver na Bélgica e na Holanda, as dúvidas profissionais e as exigências do mercado tecnológico, um mundo que muitos portugueses não conhecem.

Aliás, este livro foi escrito em inglês e Lara faz algumas vezes uma contextualização: “Talvez deva explicar que nasci e cresci em Portugal, um dos países mais pobres da Europa, e a maioria dos portugueses pode ser dividida em duas categorias: aqueles que são pobres e aqueles que vivem a sua vida com medo de serem pobres.” Aqui encontramos não apenas o retrato de uma pessoa que se confronta com a sua própria morte mas também uma história de vida que espelha a que foi – e é – a de tantos jovens portugueses que não encontravam no país condições ideais para seguirem a sua carreira.

Entre tanta literatura absolutamente ‘esquecível’, este é mesmo um daqueles exemplos que vale a pena deixar entrar na nossa vida: Lara pode ter morrido a 27 de Maio de 2022, mas neste livro ela continua connosco, a fazer-nos rir e chorar, trazendo-nos para a vida dela e levando-nos com isso a pensar também nós na nossa vida.

Ah, onde é que entra o Death Café? (porque entra mesmo um Death Café, e um psicólogo e uma virgem). Isso descobrem vocês.

Uma mulher com cancro, um psicólogo e uma virgem entram num death café’ – Lara Vaz Pato, Quetzal, E17,70

Palavras-chave

Relacionados

Mais no portal

Mais Notícias

Colesterol e cancro

Colesterol e cancro

Portugal faz bem: conheça a cerâmica de autor assinada pela Malga

Portugal faz bem: conheça a cerâmica de autor assinada pela Malga

Como as poeiras do Saara podem ajudar a impedir furacões

Como as poeiras do Saara podem ajudar a impedir furacões

19 sítios para ver os jogos do Euro 2024 (e torcer pela Seleção Nacional)

19 sítios para ver os jogos do Euro 2024 (e torcer pela Seleção Nacional)

Em “Senhora do Mar”: Joana revela a Manuel que está grávida outra vez

Em “Senhora do Mar”: Joana revela a Manuel que está grávida outra vez

Manta Ray: Reveladas primeiras imagens do novo drone militar aquático dos EUA em ação

Manta Ray: Reveladas primeiras imagens do novo drone militar aquático dos EUA em ação

Kia EV9 GT-Line AWD em testes: A referência nos grandes SUV

Kia EV9 GT-Line AWD em testes: A referência nos grandes SUV

Num dos próximos quatro anos, o planeta deverá mesmo exceder 1,5ºC de aumento de temperatura

Num dos próximos quatro anos, o planeta deverá mesmo exceder 1,5ºC de aumento de temperatura

Os 500 anos de Camões

Os 500 anos de Camões

Sede da PIDE, o último bastião do Estado Novo

Sede da PIDE, o último bastião do Estado Novo

Contracetivo masculino em gel com bons resultados nos ensaios clínicos

Contracetivo masculino em gel com bons resultados nos ensaios clínicos

Carros elétricos chineses deverão ficar mais caros

Carros elétricos chineses deverão ficar mais caros

Famosos em “sunset” de boas-vindas ao verão

Famosos em “sunset” de boas-vindas ao verão

Dior apresenta coleção Cruise Collection 2025

Dior apresenta coleção Cruise Collection 2025

Entre no jogo de copos

Entre no jogo de copos

Os nossos vinhos são os melhores do mundo

Os nossos vinhos são os melhores do mundo

Novo estudo científico revela que o cérebro tenta prever o futuro enquanto se encontra em repouso

Novo estudo científico revela que o cérebro tenta prever o futuro enquanto se encontra em repouso

O futuro da banca é inteligente

O futuro da banca é inteligente

Vencedores e vencidos do 25 de Abril na VISÃO História

Vencedores e vencidos do 25 de Abril na VISÃO História

JL 1400

JL 1400

Auditoria forense pedida pelo Benfica não encontra dano causado por Vieira

Auditoria forense pedida pelo Benfica não encontra dano causado por Vieira

Adoçante comum presente em pastilhas elásticas e até pastas dentífricas associado a duplicação do risco de AVC e enfarte

Adoçante comum presente em pastilhas elásticas e até pastas dentífricas associado a duplicação do risco de AVC e enfarte

Os nomes estranhos das fobias ainda mais estranhas

Os nomes estranhos das fobias ainda mais estranhas

Vídeo: Vê aqui o espetáculo de 'Miúdos a Votos' 2024

Vídeo: Vê aqui o espetáculo de 'Miúdos a Votos' 2024

Um novo estúdio em Lisboa para jantares, showcookings, apresentações de marcas, todo decorado em português

Um novo estúdio em Lisboa para jantares, showcookings, apresentações de marcas, todo decorado em português

Moda: 20 cestas para usar no dia a dia

Moda: 20 cestas para usar no dia a dia

Presta atenção! Já ouviste falar de contrafação?

Presta atenção! Já ouviste falar de contrafação?

Jl 1401

Jl 1401

Explosão solar 'acende' auroras impressionantes em Marte

Explosão solar 'acende' auroras impressionantes em Marte

20 anos depois, o que há de novo no Rock in Rio Lisboa

20 anos depois, o que há de novo no Rock in Rio Lisboa

Vinhos, surf e gastronomia no Oeste: Roteiro pelo que há de melhor na região

Vinhos, surf e gastronomia no Oeste: Roteiro pelo que há de melhor na região

Volta a Portugal com as receitas da Marlene Vieira

Volta a Portugal com as receitas da Marlene Vieira

Será que já tínhamos visto o vestido que Kate usou no Trooping the Colour?

Será que já tínhamos visto o vestido que Kate usou no Trooping the Colour?

Os looks dos famosos no primeiro dia de “Rock in Rio Lisboa 2024”

Os looks dos famosos no primeiro dia de “Rock in Rio Lisboa 2024”

Explosão de cor e alegria nas Marchas Populares

Explosão de cor e alegria nas Marchas Populares

Betano entra em campo com patrocínios do Euro 2024 e Copa América 2024

Betano entra em campo com patrocínios do Euro 2024 e Copa América 2024

Quis Saber Quem Sou: Será que

Quis Saber Quem Sou: Será que "ainda somos os mesmos e vivemos como os nossos pais?"

Desfile de celebridades na apresentação da coleção Cruise da Dior

Desfile de celebridades na apresentação da coleção Cruise da Dior

Onde ficar em Lisboa: Torel Palace

Onde ficar em Lisboa: Torel Palace

Rússia quer mesmo criar uma alternativa à PlayStation 5 e à Xbox Series X

Rússia quer mesmo criar uma alternativa à PlayStation 5 e à Xbox Series X

Vídeo: A festa final de 'Miúdos a Votos' na Gulbenkian

Vídeo: A festa final de 'Miúdos a Votos' na Gulbenkian

Os planos da Stellantis para criar um ecossistema de software para os carros

Os planos da Stellantis para criar um ecossistema de software para os carros

Salgueiro Maia, o herói a contragosto

Salgueiro Maia, o herói a contragosto

SIC obrigada a apagar imagens de Daniel e Sónia em “Casados à Primeira Vista”

SIC obrigada a apagar imagens de Daniel e Sónia em “Casados à Primeira Vista”

Portugal esgota hoje os recursos deste ano e começa a usar os de 2025

Portugal esgota hoje os recursos deste ano e começa a usar os de 2025

Parceria TIN/Público

A Trust in News e o Público estabeleceram uma parceria para partilha de conteúdos informativos nos respetivos sites