Algures perdido no mar vive um terrível monstro que devora livros. ‘O Anibaleitor’, de Rui Zink, é a história da amizade entre um jovem rebelde que embarca num navio de piratas e o terrível monstro.

Claro que isto é a ‘história’ que alguém que não tenha lido nada ou muito pouco na vida vai ler. Quem já tenha lido qualquer coisa leva na cabeça com uma catadupa de memórias, imagens, e recordações de livros que leu, mesmo aqueles que não estão explicitamente citados. Lembramo-nos das ‘Peregrinações’, das ilhas dos tesouros, dos Adamastores de que a cultura portuguesa é feita, mas também de filmes, figuras e mitos universais.

E o engraçado neste livro é a quantidade de níveis a que pode ser lido, do literal ao metafórico, do mítico ao cómico. Podemos lê-lo como a história da amizade entre um rapaz e um monstro, podemos lê-lo como a história de como o seu autor se apaixonou pelos livros, podemos lê-lo como uma espécie de ‘Teoria da Literatura para menores de 15’, podemos lê-lo como uma partilha de autores preferidos, podemos lê-lo de muitíssimas formas. Enfim, vão-me dizer que todos os livros podem ser lidos assim, e têm razão, mas este foi, adivinho eu, um livro pensado para essa multiplicação de leituras.

Claro que, sendo Rui Zink quem é, não podiam faltar as tiradas irónicas, tipo: ‘Já não devem ser um país de marinheiros, pois não?/ Fomos. Agora acho que somos um país de empreendedores.’

Não sei se fará muito para espalhar a Boa Nova e converter os incréus às delícias da leitura, porque geralmente os incréus não gostam muito que se lhes atire as suas menos-valias à cara. De qualquer maneira, ‘o Anibaleitor’ não é feito para ‘converter’ ninguém ao prazer de ler mas para aguçar o apetite a quem ainda não passou pela caça à baleia (digamos assim). ‘Ler é fazer as coisas acontecerem na tua cabeça! Não é ficar feito ruminante a olhar para uma parede falante!’, diz o monstro a certa altura. E é bastante mais divertido do que a grande maioria dos livros que os miúdos são obrigados a ler.

Para quem já gosta de ler, o Anibaleitor é uma delícia: não há nada melhor que ir andando pelas páginas e encontrando velhos amigos como Pessoa, Bocage, Camões, Saramago ou os GNR.

E se gostar de ler é ser atualmente uma espécie de monstro perseguido (lá está, outra metáfora) então Rui Zink convoca todos os monstros deste país para uma espécie de mesa-redonda lá nessa ilha distante onde há só ‘ossos e livros, livros e ossos’. E todos seremos monstros como ele.

O Anibaleitor’ – Rui Zink – Porto Editora, E11,97

Palavras-chave

Relacionados

Mais no portal

Mais Notícias

Em “A Promessa”: Verónica descobre que António quer casar Miguel e Laura

Em “A Promessa”: Verónica descobre que António quer casar Miguel e Laura

Sirius Aviation mostra eVTOL movido a hidrogénio líquido

Sirius Aviation mostra eVTOL movido a hidrogénio líquido

Salgueiro Maia, o herói a contragosto

Salgueiro Maia, o herói a contragosto

Implante cerebral ajuda sobrevivente de AVC que perdeu a fala a comunicar de forma bilingue

Implante cerebral ajuda sobrevivente de AVC que perdeu a fala a comunicar de forma bilingue

IDC: 15% dos pagamentos internacionais serão liquidados em tempo real até 2026

IDC: 15% dos pagamentos internacionais serão liquidados em tempo real até 2026

ESG Talks: “A ciência, a tecnologia e a inovação são sempre fundamentais”

ESG Talks: “A ciência, a tecnologia e a inovação são sempre fundamentais”

Jl 1401

Jl 1401

Pigmentarium: perfumaria de nicho inspirada na herança cultural da República Checa

Pigmentarium: perfumaria de nicho inspirada na herança cultural da República Checa

Festivais de música erudita a não perder este mês

Festivais de música erudita a não perder este mês

Sede da PIDE, o último bastião do Estado Novo

Sede da PIDE, o último bastião do Estado Novo

Os ténis fabricados no Porto de que a rainha Letizia precisa depois da lesão no pé

Os ténis fabricados no Porto de que a rainha Letizia precisa depois da lesão no pé

Inspire-se no

Inspire-se no "look" de Matilde Reymão

Uma viagem a Trás-os-Montes sem sair de Gaia. Lídia Brás, do Stramuntana, vence categoria Embaixador Gastronómico dos prémios AHRESP

Uma viagem a Trás-os-Montes sem sair de Gaia. Lídia Brás, do Stramuntana, vence categoria Embaixador Gastronómico dos prémios AHRESP

No bairro da Estrela, em Lisboa, um projeto chave na mão

No bairro da Estrela, em Lisboa, um projeto chave na mão

Kia EV9 GT-Line AWD em testes: A referência nos grandes SUV

Kia EV9 GT-Line AWD em testes: A referência nos grandes SUV

Carros elétricos chineses deverão ficar mais caros

Carros elétricos chineses deverão ficar mais caros

Zona: Três mitos sobre esta doença que pode ser incapacitante

Zona: Três mitos sobre esta doença que pode ser incapacitante

Realeza e celebridades britânicas rendidas ao estilo floral, em Ascot

Realeza e celebridades britânicas rendidas ao estilo floral, em Ascot

ESG Talks:

ESG Talks: "Nós somos muito rápidos a criar legislação e depois pouco rápidos a operacionalizá-la"

Inspire-se no

Inspire-se no "look" de Matilde Reymão

Num dos próximos quatro anos, o planeta deverá mesmo exceder 1,5ºC de aumento de temperatura

Num dos próximos quatro anos, o planeta deverá mesmo exceder 1,5ºC de aumento de temperatura

Sportinguista Nuno Santos casou-se em cerimónia de sonho: todas as imagens

Sportinguista Nuno Santos casou-se em cerimónia de sonho: todas as imagens

De Zeca Afonso a Adriano Correia de Oliveira. O papel da música de intervenção na revolução de 1974

De Zeca Afonso a Adriano Correia de Oliveira. O papel da música de intervenção na revolução de 1974

Cientistas desenvolvem bateria para robô comestível

Cientistas desenvolvem bateria para robô comestível

"O que é verdadeiramente desafiante é as marcas saberem o que leva as pessoas às lojas e o que funciona online". Leah Johns em entrevista

Caras Decoração de junho: celebrar o bom tempo e a vida ao ar livre

Caras Decoração de junho: celebrar o bom tempo e a vida ao ar livre

EXAME 481 - Junho de 2024

EXAME 481 - Junho de 2024

Como as poeiras do Saara podem ajudar a impedir furacões

Como as poeiras do Saara podem ajudar a impedir furacões

João Paulo Esteves da Silva - O piano e todas as margens

João Paulo Esteves da Silva - O piano e todas as margens

Jantar fora à segunda-feira? É no Sea Me – Peixaria Moderna

Jantar fora à segunda-feira? É no Sea Me – Peixaria Moderna

Uma viagem a Trás-os-Montes sem sair de Gaia. Lídia Brás, do Stramuntana, vence categoria Embaixador Gastronómico dos prémios AHRESP

Uma viagem a Trás-os-Montes sem sair de Gaia. Lídia Brás, do Stramuntana, vence categoria Embaixador Gastronómico dos prémios AHRESP

Agenda pais e filhos: 8 sugestões para Lisboa e Porto

Agenda pais e filhos: 8 sugestões para Lisboa e Porto

Dar as boas-vindas ao verão

Dar as boas-vindas ao verão

VISÃO Se7e: Aproveitar os dias e noites de verão

VISÃO Se7e: Aproveitar os dias e noites de verão

Um novo estúdio em Lisboa para jantares, showcookings, apresentações de marcas, todo decorado em português

Um novo estúdio em Lisboa para jantares, showcookings, apresentações de marcas, todo decorado em português

Bruno de “Casados à Primeira Vista” brilha em “A Sentença” da TVI

Bruno de “Casados à Primeira Vista” brilha em “A Sentença” da TVI

ATL para desportistas e aventureiros

ATL para desportistas e aventureiros

Vencedores do passatempo 'Gru - O Maldisposto 4'

Vencedores do passatempo 'Gru - O Maldisposto 4'

Alpine A290: elétrico, tecnológico… e endiabrado

Alpine A290: elétrico, tecnológico… e endiabrado

Recorde a vida do príncipe William no dia em que celebra 42 anos

Recorde a vida do príncipe William no dia em que celebra 42 anos

Participe na conferência “Gestão de Talento no setor da Tecnologia”

Participe na conferência “Gestão de Talento no setor da Tecnologia”

NASA revela primeira imagem captada pelo Hubble num novo modo operacional

NASA revela primeira imagem captada pelo Hubble num novo modo operacional

A meio caminho entre o brioche e o folhado, assim são os protagonistas da Chez Croissant

A meio caminho entre o brioche e o folhado, assim são os protagonistas da Chez Croissant

Exposição solar: O problema dos UVA

Exposição solar: O problema dos UVA

Joana Vasconcelos: “Quando trabalho, o ritmo é intenso, sou imparável”

Joana Vasconcelos: “Quando trabalho, o ritmo é intenso, sou imparável”

Parceria TIN/Público

A Trust in News e o Público estabeleceram uma parceria para partilha de conteúdos informativos nos respetivos sites