@yana.potter.art

E eis que 2022 chegou. Provavelmente a grande maioria de nós está a perguntar “onde é que ficou 2021?” Eu sou uma dessas pessoas. Custou, mas passou num abrir e fechar de olhos… Tenho ouvido ultimamente esta frase de inúmeras pessoas.

Em 2021 enfrentámos o medo do invisível, a incerteza do futuro, a mudança obrigatória de hábitos. O que antigamente era base para um filme de ficção científica agora tornou-se na nossa realidade.rea

Ora, a verdade é que nos conseguimos adaptar à nova realidade que 2020 e 2021 nos trouxeram. Bem ou mal, aqui continuamos. E o que é que isto nos diz? Diz-nos que conseguimos lidar com os medos e com o incerto. Que (bem ou mal), conseguimos seguir em frente, porque a vida assim o obriga. Parabéns para todos nós. A mudança repentina aconteceu e conseguimos lidar com ela. Volto a repetir: bem ou mal. Mas conseguimos. Se conseguimos lidar com uma pandemia, porque não havemos de conseguir lidar com os nossos medos?

Em 2022 gostava que virássemos a página, gostava que começássemos a escrever a história de quem tem confiança suficiente para seguir em frente com os seus sonhos e ambições. Com ou sem vírus, ainda cá estamos. De que vale continuar a limitar os nossos maiores desejos relativos à construção de um futuro mais feliz? Todos merecemos ser felizes. Com ou sem certezas relativamente ao futuro. Na verdade… quem as tem?

Mais do que não ter medo de 2022 (isso, sinceramente, é uma utopia), há que continuar a seguir em frente, porque dizem, que só se vive uma vez.  Quantos sonhos e projetos foram adiados nestes últimos dois anos? Se foram, estamos mais do que a tempo de os retomar, mas nunca de os abandonar. Por respeito e amor-próprio.

A vida e os resultados são de quem arrisca, de quem lida com o medo, de quem segue os seus sonhos, independentemente do contexto. E sim, o que vou escrever a seguir pode cair mal a algumas pessoas e é a mais pura das verdades: podemos não ser responsáveis pelo que nos acontece, mas somos responsáveis pela forma como reagimos ao que nos acontece.

Quando me refiro a um 2022 “sem medos”, não quero que acabemos com eles, porque existem medos que nos servem de farol. Quero que saibamos lidar com eles, que avancemos mesmo tendo consciência de que eles existem. Que tenhamos estratégias pessoais e profissionais próprias para conseguir seguir em frente. E quero também que saibamos distinguir entre o medo real e o medo inventado, que só existe na nossa mente e que só serve para nos atrasar na concretização dos nossos objetivos.

Quer seja num contexto pessoal ou profissional, aqui ficam alguns passos que podemos dar para conseguirmos lidar melhor com os nossos medos:

  • Dar pequenos passos de fé, confiando nas nossas capacidades. Ter confiança no futuro e no valor que temos, como pessoas e como profissionais. Confiança e coragem andam de mãos dadas, não se esqueça desta verdade!
  • Desenvolver a capacidade de parar e analisar o medo que surge numa determinada situação, e perceber até que ponto esse medo é real ou não. Para isso, traçar um plano de ação para lidar com o desafio, para assim perceber se não passa disso mesmo: de um desafio.
  • No seguimento do ponto anterior, a entrada em ação é fundamental para que consigamos lidar com os medos. Só assim, na maioria das vezes, conseguimos mostrar a nós mesmos que somos capazes de lidar com eles e com a incerteza. E acima de tudo, que somos fortes o suficiente para ultrapassar os obstáculos da vida.

Espero que 2022 seja um ano de superação, de reforço, de conquistas. Acima de tudo, que sirva para recuperar o que ficou suspenso nestes últimos dois anos.  Que seja diferente. E melhor!

Obrigada por estar desse lado.

Próximos eventos:

  • “Sócias – gestão de vida e de carreira”. 12 de fevereiro, Casino Estoril. Bilhetes à venda.
  • Certificação em Coaching, Inovação e Criatividade, de 23 a 29 de Abril, inscrições já abertas.

Palavras-chave

Mais no portal

Mais Notícias

Veja as melhores imagens da conferência Girl Talk 2024

Veja as melhores imagens da conferência Girl Talk 2024

14 ideias para fazer no Dia Internacional e Noite dos Museus

14 ideias para fazer no Dia Internacional e Noite dos Museus

Recorde alguns dos momentos de Máxima dos Países Baixos no dia do seu 53.º aniversário

Recorde alguns dos momentos de Máxima dos Países Baixos no dia do seu 53.º aniversário

Pap’Açorda: Muito mais do que um restaurante

Pap’Açorda: Muito mais do que um restaurante

Tesla continua a dominar vendas de elétricos em Portugal

Tesla continua a dominar vendas de elétricos em Portugal

Morreu o estilista Manuel Alves

Morreu o estilista Manuel Alves

Ainda de ténis, Letizia aposta num visual em

Ainda de ténis, Letizia aposta num visual em "tweed" com calças largas

VISÃO Se7e: À solta nos museus e no caos criativo de Pedro Cabrita Reis

VISÃO Se7e: À solta nos museus e no caos criativo de Pedro Cabrita Reis

MAI apela à limpeza dos terrenos rurais

MAI apela à limpeza dos terrenos rurais

Fátima Lopes celebra 55 anos em biquíni no mar

Fátima Lopes celebra 55 anos em biquíni no mar

As elegantes escolhas de Mary da Dinamarca na visita à Noruega

As elegantes escolhas de Mary da Dinamarca na visita à Noruega

Em Tavira, uma casa senhorial dá origem a um equilíbrio de contrastes

Em Tavira, uma casa senhorial dá origem a um equilíbrio de contrastes

“Eh Lá Fora!”

“Eh Lá Fora!”

Spatia Comporta: Um imenso convite a relaxar

Spatia Comporta: Um imenso convite a relaxar

NÃO ME MAGOAS MAIS

NÃO ME MAGOAS MAIS

GNR apreende 42 quilos de meixão em ação de fiscalização rodoviária em Leiria

GNR apreende 42 quilos de meixão em ação de fiscalização rodoviária em Leiria

Criado gel capaz de reduzir os níveis de álcool no sangue até 50% em cinco horas

Criado gel capaz de reduzir os níveis de álcool no sangue até 50% em cinco horas

Hipertensão arterial: procedimento

Hipertensão arterial: procedimento "minimamente invasivo" melhora significativamente a qualidade de vida dos doentes

Veja as melhores imagens da conferência Girl Talk 2024

Veja as melhores imagens da conferência Girl Talk 2024

Tarifário da água no Algarve abaixo da média nacional é erro crasso -- ex-presidente da APA

Tarifário da água no Algarve abaixo da média nacional é erro crasso -- ex-presidente da APA

20% das mortes por anafilaxia devem-se a picadas de insetos

20% das mortes por anafilaxia devem-se a picadas de insetos

VOLT Live: O estudo que prova que os 100% elétricos são a opção mais económica para as empresas

VOLT Live: O estudo que prova que os 100% elétricos são a opção mais económica para as empresas

Humor e irreverência em iluminação

Humor e irreverência em iluminação

WASP-193 b: Este planeta tem uma estrutura

WASP-193 b: Este planeta tem uma estrutura "fofa" e parece algodão doce

Muito sal pode aumentar em mais de 40% a probabilidade de desenvolver cancro do estômago

Muito sal pode aumentar em mais de 40% a probabilidade de desenvolver cancro do estômago

Pap’Açorda: Muito mais do que um restaurante

Pap’Açorda: Muito mais do que um restaurante

Pigmentarium: perfumaria de nicho inspirada na herança cultural da República Checa

Pigmentarium: perfumaria de nicho inspirada na herança cultural da República Checa

A meio caminho entre o brioche e o folhado, assim são os protagonistas da Chez Croissant

A meio caminho entre o brioche e o folhado, assim são os protagonistas da Chez Croissant

Netflix agora também é uma empresa de publicidade digital

Netflix agora também é uma empresa de publicidade digital

ONDE A MAGIA ACONTECE

ONDE A MAGIA ACONTECE

Vida lá fora: já tem o seu chapéu de sol?

Vida lá fora: já tem o seu chapéu de sol?

Catarina Miranda recebida em euforia na gala do “Big Brother”

Catarina Miranda recebida em euforia na gala do “Big Brother”

Tâmara Castelo: divulgadas novas fotos do seu casamento

Tâmara Castelo: divulgadas novas fotos do seu casamento

15 de maio: Dia Internacional da Família

15 de maio: Dia Internacional da Família

A grande exposição de Pedro Cabrita Reis

A grande exposição de Pedro Cabrita Reis

O fracasso da AIMA, a frustração dos imigrantes e a inércia do Governo

O fracasso da AIMA, a frustração dos imigrantes e a inércia do Governo

Sede da PIDE, o último bastião do Estado Novo

Sede da PIDE, o último bastião do Estado Novo

Tesla volta aos cortes e avança com nova ronda de despedimentos

Tesla volta aos cortes e avança com nova ronda de despedimentos

“Ainda existe um problema de auto confiança das mulheres no mundo do trabalho”

“Ainda existe um problema de auto confiança das mulheres no mundo do trabalho”

Flashbacks e outras visões de futuro no novo projeto do agrupamento Sete Lágrimas

Flashbacks e outras visões de futuro no novo projeto do agrupamento Sete Lágrimas

O futuro começou esta noite. Como foi preparado o 25 de Abril

O futuro começou esta noite. Como foi preparado o 25 de Abril

Em “Cacau”: Marco apanha Cacau aos beijos com Tiago e maltrata-a

Em “Cacau”: Marco apanha Cacau aos beijos com Tiago e maltrata-a

Salgueiro Maia, o herói a contragosto

Salgueiro Maia, o herói a contragosto

Quis Saber Quem Sou: Será que

Quis Saber Quem Sou: Será que "ainda somos os mesmos e vivemos como os nossos pais?"

Os sinais da crise no casamento de Jennifer Lopez e Ben Affleck

Os sinais da crise no casamento de Jennifer Lopez e Ben Affleck

Parceria TIN/Público

A Trust in News e o Público estabeleceram uma parceria para partilha de conteúdos informativos nos respetivos sites