Podíamos estar a falar de muitos temas abordados na série Euphoria. O uso de drogas, a violência no namoro, a descoberta da identidade ou sexo podiam são assuntos abordados na história e que dão pano para mangas. Mas neste texto quero abordar um momento que aconteceu no segundo episódio da segunda temporada, já disponível, e que fala de um fator que está a ter implicações na saúde mental. Falo do positivismo tóxico, cada vez mais presente na internet.

Na série

A cena em questão tem Kat (Barbie Ferreira) como protagonista. A jovem está deitada na cama, a passar por um momento mais sensível. Não se sente bem, por diversos motivos, e, numa analogia para o que vemos online, acaba interpelada por várias mulheres que surgem no seu quarto.

“Kat! És uma das pessoas mais corajosas e bonitas que já vi (…) Gostava de ter a tua confiança (…) Só tens de te amar.”

Diz uma mulher que usa apenas um biquíni branco e, enquanto faz diferentes poses, exibe um corpo atlético e tonificado, semelhando-se a uma musa do fitness.

“Todos os dias que sais da cama são um ato de coragem.” 

Afirma uma jovem que aparenta ser modelo, sentada numa cadeira, com um vestido curto e perfeitamente penteada e maquilhada. 

“Isto não és tu a falar. É o patriarcado! A sociedade pões coisas na tua cabeça.”

Acrescenta uma adolescente, praticamente a gritar e com um semblante revoltado, num aparente símbolo das feministas mais aguerridas. 

“Tens de destruir todos os padrões de beleza. Tens de te amar.”

Apela outra mulher, de aspeto refinado e elegante, com roupas justas e um grande chapéu, num visual que faz lembrar uma influenciadora digital de moda. 

Kat sente que não é ouvida. Grita que ninguém está a perceber o que está a tentar explicar. Que ninguém a tenta compreender. Diz que não se sente saudável, que está infeliz, que não gosta quem é. Assume que está a lutar pela própria saúde mental, mas sem saber como.

Para desespero de Kat, todas as mulheres a rodeiam num coro que exija que ela se ame. Kat grita em desespero.

Repercussão

Esta cena tem dado que falar nas redes sociais. São muitos os que a apontam como um exemplo claro do positivismo tóxico que tem aumentado online. 

O guião deste momento foi inspirado em frases feitas que atualmente povoam páginas que tentam incentivar outras pessoas a serem mais felizes e a aceitarem quem são. Frases que se focam em amor-próprio, coragem, aceitação, confiança, beleza natural e empatia. 

Tudo isto está muito certo, pode ter boas intenções e sim, deve ser valorizado, mas quando usado fora de um contexto e sem que o outro seja realmente tido em consideração na sua individualidade, torna-se vazio, mais um meio de pressão, mais um despoletar de ansiedade. 

Dizer “tens de te amar” não faz com que o outro ligue um botão que o faça amar-se automaticamente. Dizer que o outro é corajoso sem saber da sua história não a ajuda a valorizar-se. Dizer que os padrões de beleza têm de mudar quando se tem uma figura que enquadra nos arquétipos desejados não faz acreditar. E tudo isto pode ser feito com a maior boa-vontade, mas não funciona realmente. Pode ser atencioso, mas não cura.

Quem está em sofrimento não entende como pode facilmente mudar a sua condição. Fecha-se na sua dor por perceber que o outro não quer ouvir o que sente e tem para dizer. Culpa-se ainda mais por não chegar ao estado em que os outros acham que deve estar. 

Ver o desespero de Kat é recordar isso.  É perceber que muitas pessoas se sentem intimidadas em falarem a sua verdade, com receio de ouvirem apenas umas frases feitas que pouco alívio vai trazer. Às vezes, melhor do que dizer algo esperado é sentar e apenas ouvir. E para quem está a sofrer, melhor do que mergulhar neste positivismo tóxico é procurar uma verdadeira ajuda. Quer seja um amigo ou um especialista, como um psicólogo.

Palavras-chave

Mais no portal

Mais Notícias

10 animais que resistem ao calor

10 animais que resistem ao calor

Giorgio Armani celebra o seu 90.º aniversário

Giorgio Armani celebra o seu 90.º aniversário

ChatGPT chega a todos os Peugeot equipados com comandos de voz

ChatGPT chega a todos os Peugeot equipados com comandos de voz

Biovance: primeiro fundo português de investimento em biotecnologia arranca com €51 milhões

Biovance: primeiro fundo português de investimento em biotecnologia arranca com €51 milhões

Ideias para decorar com riscas

Ideias para decorar com riscas

Com mais sabor a verão

Com mais sabor a verão

Relva artificial com sistema de auto-arrefecimento promete combater o calor

Relva artificial com sistema de auto-arrefecimento promete combater o calor

Dolce Gusto NEO: Inteligente e amiga do ambiente

Dolce Gusto NEO: Inteligente e amiga do ambiente

Quis Saber Quem Sou: Será que

Quis Saber Quem Sou: Será que "ainda somos os mesmos e vivemos como os nossos pais?"

Exposição solar: O problema dos UVA

Exposição solar: O problema dos UVA

VISÃO Se7e: Passeios de barco e aquários para visitar em família 

VISÃO Se7e: Passeios de barco e aquários para visitar em família 

Voámos no primeiro avião elétrico a operar em Portugal

Voámos no primeiro avião elétrico a operar em Portugal

O pormenor amoroso do batizado do filho de Mickael Carreira e Laura Figueiredo

O pormenor amoroso do batizado do filho de Mickael Carreira e Laura Figueiredo

Cláudia Vieira fala-nos do seu visual festivaleiro

Cláudia Vieira fala-nos do seu visual festivaleiro

Guia de essenciais de viagem para a sua pele

Guia de essenciais de viagem para a sua pele

Kate Middleton recebida com ovação de pé em Wimbledon

Kate Middleton recebida com ovação de pé em Wimbledon

Medicamentos com semaglutido, como o Ozempic, que se popularizou para a perda de peso, associados a novo efeito secundário grave

Medicamentos com semaglutido, como o Ozempic, que se popularizou para a perda de peso, associados a novo efeito secundário grave

O visual roqueiro de Vanessa Oliveira no NOS Alive

O visual roqueiro de Vanessa Oliveira no NOS Alive

VISÃO Júnior de junho de 2024

VISÃO Júnior de junho de 2024

Tecnologia: A união faz a transição

Tecnologia: A união faz a transição

Eduardo antes de ser Lourenço

Eduardo antes de ser Lourenço

Animais que nos fazem rir!

Animais que nos fazem rir!

Zunder, a aplicação para carregar o carro por toda a Europa, chega a Portugal

Zunder, a aplicação para carregar o carro por toda a Europa, chega a Portugal

Princesa Victoria reúne a família no dia do seu 47.º aniversário

Princesa Victoria reúne a família no dia do seu 47.º aniversário

Cidades resilientes: a biodiversidade enquanto imperativo na era da crise climática

Cidades resilientes: a biodiversidade enquanto imperativo na era da crise climática

Sebastião da Gama - Carne e espírito na Arrábida

Sebastião da Gama - Carne e espírito na Arrábida

Sony a7C II: Uma câmara compacta, mas muito completa

Sony a7C II: Uma câmara compacta, mas muito completa

'Táxi' voador movido a hidrogénio percorre mais de 800 quilómetros em voo de teste

'Táxi' voador movido a hidrogénio percorre mais de 800 quilómetros em voo de teste

No restaurante Éter, no Porto, o vinho é que manda

No restaurante Éter, no Porto, o vinho é que manda

Depois dos Magnum, Unilever diz adeus às pessoas

Depois dos Magnum, Unilever diz adeus às pessoas

Pigmentarium: perfumaria de nicho inspirada na herança cultural da República Checa

Pigmentarium: perfumaria de nicho inspirada na herança cultural da República Checa

Quem disse que na casa de banho o papel de parede não entra?

Quem disse que na casa de banho o papel de parede não entra?

Homem do Leme: Artifícios

Homem do Leme: Artifícios

Seis estratégias essenciais de Literacia Financeira Digital para proteger as finanças da sua família

Seis estratégias essenciais de Literacia Financeira Digital para proteger as finanças da sua família

The Bear: Uma das melhores séries no streaming está de volta para uma terceira temporada

The Bear: Uma das melhores séries no streaming está de volta para uma terceira temporada

Huawei FreeBuds 6i em teste: Sem ruído e com estilo

Huawei FreeBuds 6i em teste: Sem ruído e com estilo

De Zeca Afonso a Adriano Correia de Oliveira. O papel da música de intervenção na revolução de 1974

De Zeca Afonso a Adriano Correia de Oliveira. O papel da música de intervenção na revolução de 1974

Amendoim: Os benefícios inesperados do consumo desta oleaginosa

Amendoim: Os benefícios inesperados do consumo desta oleaginosa

Em “A Promessa”: Lurdes acusa Maria de matar o próprio marido

Em “A Promessa”: Lurdes acusa Maria de matar o próprio marido

Infanta Sofia: do entusiasmo na bancada à timidez no relvado

Infanta Sofia: do entusiasmo na bancada à timidez no relvado

Quem tinha mais poderes antes do 25 de Abril: o Presidente da República ou o Presidente do Conselho?

Quem tinha mais poderes antes do 25 de Abril: o Presidente da República ou o Presidente do Conselho?

Salgueiro Maia, o herói a contragosto

Salgueiro Maia, o herói a contragosto

A reação de Francisco Monteiro à expulsão de Catarina Miranda de

A reação de Francisco Monteiro à expulsão de Catarina Miranda de "Dilema"

VOLT Live: vem aí um apoio europeu para a compra de veículos elétricos?

VOLT Live: vem aí um apoio europeu para a compra de veículos elétricos?

Sustentabilidade: Este mar que se esgota

Sustentabilidade: Este mar que se esgota

Parceria TIN/Público

A Trust in News e o Público estabeleceram uma parceria para partilha de conteúdos informativos nos respetivos sites