Há projetos originais, criativos, arrojados. E depois há projetos com alma. Pautados pela preocupação social e ambiental de deixar uma marca positiva no mundo. É o caso da marca I Was a Sari. Nascida em 2013, a I Was a Sari tinha claro desde o início que queria deixar a sua impressão digital na área da economia circular.

As roupas são lindas, mas antes de mais é importante compreender de onde nos chegam. As matérias-primas são adquiridas longe, nos mercados coloridos de Mumbai. E assim saris usados ​​e estoques mortos são transformados em produtos vendidos em todo o mundo. A metamorfose destas peças é feita por mulheres artesãs, de meios menos privilegiados, cujas vidas foram alteradas por este modelo de negócio único, que deu a muitas mulheres – e alguns homens – a possibilidade de melhorar a sua existência e de se valorizarem enquanto pessoas. Porque, como explica Consuelo Funari, irmã do fundador da marca, Stefano Funari,onde alguns veem mulheres sem instrução e sem habilidades, vemos o seu potencial para se tornarem assalariadas e líderes na sua comunidade”. É por isso que as artesãs recebem salários regulares e condições de trabalho flexíveis que lhes garantem tranquilidade e liberdade para planejar um futuro estável para suas famílias. Fora do trabalho, recebem apoio médico e financeiro, frequentam aulas de inglês e soft skills. Por meio dessa exposição, entendem o seu valor, direitos e potencial.

“Este é um projeto Mumbai meets Milan, que foi concebida em Milão e nasceu em Mumbai“, diz-nos Consuelo. “De início, quando chegámos à Índia e começámos a procurar artesãs, estas mulheres vinham acompanhadas pela sogra e o meu irmão nem se podia aproximar delas”, conta-nos, recordando-nos que esta é uma sociedade ainda muito patriarcal. “Mas depois de verem o que o rendimento que estas mulheres traziam significava para a família, passaram a compreender que era um emprego a sério e que elas estavam a contribuir para a subsistência de todos. E isso passou boca a boca e fomos ganhando a confiança da comunidade”.

“Começámos com um pequeno grupo de pessoas, eram 19 no início, e a fazer artigos simples, como bandanas. Nem imagina como era difícil ensiná-las, mas depois aprenderam e estou mesmo orgulhosa do que elas fazem atualmente. O nosso objetivo é tornar as mulheres mais confiantes e com maior autoestima, ajudá-las a descobrir tudo o que podem e são capazes de fazer. Para uma mulher casada trabalhar na Índia não é fácil, têm de lutar contra a família e precisam mesmo de apoio”, reforça Consuelo.

A sustentabilidade é também uma premissa muito importante neste projeto: “Dar nova vida a tecidos é a base do nosso trabalho. Passamos horas a selecionar os saris, a escolher o que podemos fazer com eles, porque cada um é único e única será cada peça feita por nós”. E assim nascem pijamas, vestidos, totebags, Kafkans, à venda no site da marca para todo o mundo.

Atualmente, dos 170 artesãos que dão vida à I Was a Sari, 10 dos quais são homens,57% nunca trabalhou antes, 55% mudaram-se para Mumbai de áreas rurais, 51% abandonaram a escola aos 15 anos e 36% cuidam de 3 ou mais crianças.*

Somos pequenos, mas sonhamos alto e queremos envolver cada vez mais mulheres”, assume Consuelo, que reforça a importância do apoio que desde 2018 recebem da Gucci. A marca de luxo italiano procurava uma empresa sustentável para apoiar através de um programa especial como parte do Gucci Equilibrium, a sua estratégia de 10 anos para implementar o conceito de sustentabilidade na marca. A Gucci escolheu I Was A Sari para uma parceria estratégica de três anos. A Gucci também forneceu orientação criativa para a equipe I Was A Sari. Este apoio inclui um programa especial de formação em bordado tradicional para artesãs que deu origem a uma nova linha premium de produtos I Was a Sari. Os artesãos, gerenciados pelas ONGs parceiras da I Was a Sari – Community Outreach Program e Animedh Charitable Trust – concluíram a sua formação inicial e participaram depois de um workshop adicional em 2019 no Gucci Creative Office em Roma como parte do Programa de Voluntariado Gucci Changemakers.



*Fonte: I was a Sari Impact Report 2019

**A oportunidade de entrevistar Consuelo Funari surgiu pela mão da Fillmed, que trouxe a designer a Portugal, numa ação em parceira com a I Was a Sari.

Palavras-chave

Mais no portal

Mais Notícias

Alpine A290: elétrico, tecnológico… e endiabrado

Alpine A290: elétrico, tecnológico… e endiabrado

Vídeo: Um encontro com Alice Vieira, a 'contadora de histórias'

Vídeo: Um encontro com Alice Vieira, a 'contadora de histórias'

Kia EV9 GT-Line AWD em testes: A referência nos grandes SUV

Kia EV9 GT-Line AWD em testes: A referência nos grandes SUV

Manta Ray: Reveladas primeiras imagens do novo drone militar aquático dos EUA em ação

Manta Ray: Reveladas primeiras imagens do novo drone militar aquático dos EUA em ação

O regresso de “House of the Dragon”: Nesta guerra de homens primários, quem lidera são as mulheres

O regresso de “House of the Dragon”: Nesta guerra de homens primários, quem lidera são as mulheres

Ronaldo compra participação na Vista Alegre e vai levar a marca para a Ásia

Ronaldo compra participação na Vista Alegre e vai levar a marca para a Ásia

Adoçante comum presente em pastilhas elásticas e até pastas dentífricas associado a duplicação do risco de AVC e enfarte

Adoçante comum presente em pastilhas elásticas e até pastas dentífricas associado a duplicação do risco de AVC e enfarte

Explosão solar 'acende' auroras impressionantes em Marte

Explosão solar 'acende' auroras impressionantes em Marte

Pigmentarium: perfumaria de nicho inspirada na herança cultural da República Checa

Pigmentarium: perfumaria de nicho inspirada na herança cultural da República Checa

Requintado jantar assinala inauguração da nova exposição de Joana Vasconcelos na Boutique Dior, em Lisboa

Requintado jantar assinala inauguração da nova exposição de Joana Vasconcelos na Boutique Dior, em Lisboa

Jl 1401

Jl 1401

iOS 18: Que novidades chegam ao sistema operativo do iPhone?

iOS 18: Que novidades chegam ao sistema operativo do iPhone?

Restrições ao consumo de água no Algarve vão ser aliviadas

Restrições ao consumo de água no Algarve vão ser aliviadas

Em “Cacau”: Simone descobre que está prestes a ser desmascarada

Em “Cacau”: Simone descobre que está prestes a ser desmascarada

Novo estudo científico revela que o cérebro tenta prever o futuro enquanto se encontra em repouso

Novo estudo científico revela que o cérebro tenta prever o futuro enquanto se encontra em repouso

Comer em Lisboa: restaurante Kabuki

Comer em Lisboa: restaurante Kabuki

Será que já tínhamos visto o vestido que Kate usou no Trooping the Colour?

Será que já tínhamos visto o vestido que Kate usou no Trooping the Colour?

Estivemos no Azores Eco Rallye

Estivemos no Azores Eco Rallye

Sónia assume desilusão e choque por Daniel a enganar em “Casados à Primeira Vista”

Sónia assume desilusão e choque por Daniel a enganar em “Casados à Primeira Vista”

O futuro da banca é inteligente

O futuro da banca é inteligente

Betano entra em campo com patrocínios do Euro 2024 e Copa América 2024

Betano entra em campo com patrocínios do Euro 2024 e Copa América 2024

O futuro começou esta noite. Como foi preparado o 25 de Abril

O futuro começou esta noite. Como foi preparado o 25 de Abril

"O que é verdadeiramente desafiante é as marcas saberem o que leva as pessoas às lojas e o que funciona online". Leah Johns em entrevista

Portugal faz bem: conheça a cerâmica de autor assinada pela Malga

Portugal faz bem: conheça a cerâmica de autor assinada pela Malga

Exame 35 anos: venha discutir a Economia e celebrar o nosso aniversário

Exame 35 anos: venha discutir a Economia e celebrar o nosso aniversário

Vídeo: Vê aqui o espetáculo de 'Miúdos a Votos' 2024

Vídeo: Vê aqui o espetáculo de 'Miúdos a Votos' 2024

19 sítios para ver os jogos do Euro 2024 (e torcer pela Seleção Nacional)

19 sítios para ver os jogos do Euro 2024 (e torcer pela Seleção Nacional)

Trooping the Colour marcado pelo regresso de Kate

Trooping the Colour marcado pelo regresso de Kate

Moda: 20 cestas para usar no dia a dia

Moda: 20 cestas para usar no dia a dia

Desfile de celebridades na apresentação da coleção Cruise da Dior

Desfile de celebridades na apresentação da coleção Cruise da Dior

Os telemóveis que vão deixar de poder ter WhatsApp já nos próximos dias

Os telemóveis que vão deixar de poder ter WhatsApp já nos próximos dias

Aproveite a vida ao ar livre

Aproveite a vida ao ar livre

Quem tinha mais poderes antes do 25 de Abril: o Presidente da República ou o Presidente do Conselho?

Quem tinha mais poderes antes do 25 de Abril: o Presidente da República ou o Presidente do Conselho?

Casimiro de Brito - Entre o caos e o canto

Casimiro de Brito - Entre o caos e o canto

10 benefícios da cerveja, segundo a ciência

10 benefícios da cerveja, segundo a ciência

25 peças para receber a primavera em casa

25 peças para receber a primavera em casa

De Zeca Afonso a Adriano Correia de Oliveira. O papel da música de intervenção na revolução de 1974

De Zeca Afonso a Adriano Correia de Oliveira. O papel da música de intervenção na revolução de 1974

Como ler um jornal

Como ler um jornal

Navegando rumo ao futuro digital do oceano

Navegando rumo ao futuro digital do oceano

VISÃO Se7e: 19 sítios para ver os jogos do Euro 2024 – e torcer por Portugal

VISÃO Se7e: 19 sítios para ver os jogos do Euro 2024 – e torcer por Portugal

Zona: Três mitos sobre esta doença que pode ser incapacitante

Zona: Três mitos sobre esta doença que pode ser incapacitante

Presta atenção! Já ouviste falar de contrafação?

Presta atenção! Já ouviste falar de contrafação?

Os nomes estranhos das fobias ainda mais estranhas

Os nomes estranhos das fobias ainda mais estranhas

William assinala Dia do Pai com foto de infância, mas sem Harry

William assinala Dia do Pai com foto de infância, mas sem Harry

Cevisama: novos conceitos para (re)vestir a casa

Cevisama: novos conceitos para (re)vestir a casa

Parceria TIN/Público

A Trust in News e o Público estabeleceram uma parceria para partilha de conteúdos informativos nos respetivos sites