Habner Gomes (fotos: divulgação)

Quando chegámos ao Mattë, restaurante lisboeta fundado em plena pandemia por Gustavo Neves, já o chef Habner Gomes nos aguardava atrás do balcão, um homem alto e encorpado mas tão gentil e autêntico no trato como na preparação dos pratos de alta cozinha japonesa – como viríamos a descobrir. A ideia era apresentar-nos o novo conceito de inspiração Kaiseiki (hoje considerada alta gastronomia japonesa mas que tem origens nas tradições simples dos monges budistas): uma barra para um máximo de oito pessoas onde Habner serve 12 momentos gastronómicos (para nós fez um espécie de versão resumida) intercalados com outros tantos bons momentos de conversa. O chef confirma as minhas suspeitas, quando sugiro que ele é uma espécie de confessionário – vêm-me à memória as cenas de filme em que ao balcão de um bar um cliente troca confidências por mais um scotch on the rocks. “Conheço muitas histórias”, confirma o chef.

Habner Gomes e Gustavo Neves

Pois aqui não há scotch para ninguém e o wine pairing é comedido porque espera-nos uma longa tarde de trabalho. Mas não dispensamos as confidências, neste caso é menos monólogo e mais diálogo. Ficamos a saber que o Habner é natural de Minas Gerais, no Brasil, e que veio para Portugal aos 14 anos. “Nunca mais voltei”, diz sem qualquer vestígio de arrependimento na voz. “Gosto de Portugal”. Quando cá chegou, foi trabalhar com o irmão – que já se dedicava à cozinha japonesa – enquanto não começava a escola. E nunca mais parou. Aprendeu “com os melhores”, nos vários restaurantes por onde passou, e nunca mais parou. Pelo que percebemos é raro parar e ri-se quando falamos em férias. Diz que é fácil perder ‘a mão’ quando se afasta durante muito tempo do restaurante.

Confirmamos, é preciso ter mão. Ali na barra não se perde de vista a mão do chef: o rigor com que corta o peixe impecavelmente preparado e a graciosidade com que molda o arroz dos niguiris – “que devem ser consumidos à mão no tempo máximo de 20 segundos, para manter os 32 graus do arroz e a frescura máxima do peixe.” Os ingredientes portugueses e sazonais são estrela e do Japão chega tudo o que chef não encontra por cá – incluindo o molho de soja premium (que será usada criteriosamente pelo chef e por ele apenas), envelhecido durante 10 anos em barricas de saké. “Daí ser mais escuro e dar uma tonalidade acastanhada ao arroz”, explica o chef. É a relação de confiança de longa data que mantém com os fornecedores que lhe permite ter matéria prima única com impacto decisivo nos pratos que prepara.

O peixe, a maior parte dos Açores mas também do Algarve e de Setúbal, é rei. Na hora de particularizar a coroação é difícil escolher entre todos os que experimentámos. O enchareu com ovas de salmão selvagem e sansho num ussuzukuri (espécie de carpaccio); o salmonete com a pele ligeiramente braseada; o sarrajão num otsukuri (prato de sashimi); o atum (o-torô, chu-torô e akami) numa linda trilogia; o lírio numa incrível tempura – o frito nunca se sobrepõe ao sabor do peixe; o-toro, lírio, enchareu, robalo, pargo, sarrajão, goraz e chu-torô nos famosos niguiris; o goraz grelhado com arroz temperado com uni; e, por fim, caranguejo real num misô branco reconfortante. E, por não ser gulosa, trocava facilmente o Pudim de Gengibre (e é bom!) por mais uma tempura de lírio. Gostos não se discutem.

O que nós experimentámos será necessariamente diferente dos próximos que se sentarem à barra do chef Habner Gomes, no Mattë, tudo vai depender da disponibilidade de ingredientes – a promessa é de máximo reaproveitamento e mínimo desperdício (2%, dizem). Mas há qualquer coisa de muito gratificante em sentarmo-nos ao balcão e sermos surpreendidos pelos caprichos do chef e da natureza. Para previsível e rotineiro já basta o resto…

Os 12 momentos têm um valor de €125 por pessoa com a possibilidade de adicionar o pairing com vinho, champanhe ou saké. Também existe a possibilidade de refeição à carta (o chef garante que o seu Ramen é dos melhores). O Mattë fica na Calçada Marquês de Abrantes, 22, Lisboa. Encerra domingo e segunda-feira.

A experiência retratada neste artigo aconteceu a convite da marca e o texto reflete a opinião pessoal dos autores.

Palavras-chave

Relacionados

Mais no portal

Mais Notícias

Black Trumpet: no reino encantado dos cogumelos

Black Trumpet: no reino encantado dos cogumelos

Brinquedos didáticos, livres e que estimulem a criatividade. Onde? Na Color Square

Brinquedos didáticos, livres e que estimulem a criatividade. Onde? Na Color Square

Em “Cacau”: Justino volta a andar e pede para salvarem Cacau

Em “Cacau”: Justino volta a andar e pede para salvarem Cacau

Encha a casa de verde, inspire-se na Natureza

Encha a casa de verde, inspire-se na Natureza

Montenegro atingido com tinta verde na Bolsa de Turismo de Lisboa

Montenegro atingido com tinta verde na Bolsa de Turismo de Lisboa

Desfile de famosos na passadeira dos SAG Awards

Desfile de famosos na passadeira dos SAG Awards

Giorgio Armani propõe veludo, flores e infuências orientais para o próximo inverno

Giorgio Armani propõe veludo, flores e infuências orientais para o próximo inverno

“A Madrugada que Eu Esperava”: Novas canções de Abril no Teatro Maria Matos

“A Madrugada que Eu Esperava”: Novas canções de Abril no Teatro Maria Matos

Von der Leyen quer

Von der Leyen quer "decisões audazes e coragem política" para defesa europeia

Portugal visto pelos estrangeiros

Portugal visto pelos estrangeiros

Em “Senhora do Mar”: Maria perde a virgindade com Pedro

Em “Senhora do Mar”: Maria perde a virgindade com Pedro

'O Principezinho': um livro que fica na memória

'O Principezinho': um livro que fica na memória

Novo Dacia Spring: mais por menos

Novo Dacia Spring: mais por menos

VOLT Live: como aumentar a competitividade e concorrência no mercado do carregamento de veículos elétricos

VOLT Live: como aumentar a competitividade e concorrência no mercado do carregamento de veículos elétricos

J. L. Barreto Guimarães, Poesia para médicos

J. L. Barreto Guimarães, Poesia para médicos

O Vento Assobiando nas Gruas, entrevista com Jeanne Waltz

O Vento Assobiando nas Gruas, entrevista com Jeanne Waltz

Dos idos de Março 62 às eleições de Março 24

Dos idos de Março 62 às eleições de Março 24

Quase metade das pessoas com doença rara não é seguida em centros de referência

Quase metade das pessoas com doença rara não é seguida em centros de referência

Atualização de software da Tesla corrige problemas de bateria no frio extremo

Atualização de software da Tesla corrige problemas de bateria no frio extremo

Filha do diretor de comunicação do FC Porto foi obrigada a fazer exame físico em vez de psicológico. Um

Filha do diretor de comunicação do FC Porto foi obrigada a fazer exame físico em vez de psicológico. Um "lapso", diz MP

Celebridades rendem-se às transparências no desfile de Saint Laurent

Celebridades rendem-se às transparências no desfile de Saint Laurent

"O Chega copia matérias e campanhas do ADN. Estamos a ser roubados por quem tem mais poder"

CDU contesta fim de cirurgias ao cancro da mama em várias unidades de saúde

CDU contesta fim de cirurgias ao cancro da mama em várias unidades de saúde

Novo Zenbook Duo, o portátil de fusão da Asus, chega em março a Portugal

Novo Zenbook Duo, o portátil de fusão da Asus, chega em março a Portugal

Penélope Cruz deslumbra na passadeira dos SAG Awards

Penélope Cruz deslumbra na passadeira dos SAG Awards

Saccharum Resort, na terra do ouro branco

Saccharum Resort, na terra do ouro branco

Conforto e muita luz, num apartamento em São Paulo, Brasil

Conforto e muita luz, num apartamento em São Paulo, Brasil

Powerbanks iS da iServices em teste: 'colam-se aos smartphones'

Powerbanks iS da iServices em teste: 'colam-se aos smartphones'

Giorgio Armani propõe veludo, flores e infuências orientais para o próximo inverno

Giorgio Armani propõe veludo, flores e infuências orientais para o próximo inverno

A dieta que afugenta a apneia do sono

A dieta que afugenta a apneia do sono

Cristina Ferreira partilha mais fotos com o namorado e fãs reagem: “O amor faz-lhe bem”

Cristina Ferreira partilha mais fotos com o namorado e fãs reagem: “O amor faz-lhe bem”

Os lugares desta História, com Isabel Stilwell: Elvas, capital do Império onde o sol nunca se põe

Os lugares desta História, com Isabel Stilwell: Elvas, capital do Império onde o sol nunca se põe

Eficiência de recursos: a encruzilhada dos serviços alimentares

Eficiência de recursos: a encruzilhada dos serviços alimentares

PR diz que ataques com tinta por ativistas climáticos perderam eficácia

PR diz que ataques com tinta por ativistas climáticos perderam eficácia

Quinta da Pacheca cinco estrelas. O luxo das coisas simples

Quinta da Pacheca cinco estrelas. O luxo das coisas simples

As férias de Dânia Neto na neve

As férias de Dânia Neto na neve

Exame de março: A economia que Pedro Nuno Santos e Luís Montenegro querem para Portugal

Exame de março: A economia que Pedro Nuno Santos e Luís Montenegro querem para Portugal

Portugal integra projeto para aproveitar hidrogénio verde para transportes públicos

Portugal integra projeto para aproveitar hidrogénio verde para transportes públicos

De Madalena Palmeirim a Ty Segall: Quatro discos novos, colheita de 2024

De Madalena Palmeirim a Ty Segall: Quatro discos novos, colheita de 2024

Tempos de Antena ‘Miúdos a Votos’: ‘O Estranhão’

Tempos de Antena ‘Miúdos a Votos’: ‘O Estranhão’

Os lugares desta História, com Isabel Stilwell: Filipe I de Portugal, por fim

Os lugares desta História, com Isabel Stilwell: Filipe I de Portugal, por fim

Exame 478 - Março 2024

Exame 478 - Março 2024

Breve história da maquilhagem

Breve história da maquilhagem

Xiaomi Redmi Note 13 Pro+: topo de gama

Xiaomi Redmi Note 13 Pro+: topo de gama

Instagrammer confessa ter enviado peças de mísseis e de drones para a Rússia

Instagrammer confessa ter enviado peças de mísseis e de drones para a Rússia

Parceria TIN/Público

A Trust in News e o Público estabeleceram uma parceria para partilha de conteúdos informativos nos respetivos sites