@amsiro.jpg

Somos seres sociais e, muitas vezes, não temos plena consciência da forma como podemos aproveitar isso.

A consciência do nosso contexto social e cultural pode ajudar-nos bastante na melhoria das nossas realidades ao nível do desenvolvimento pessoal e profissional. A autoconsciência também é uma enorme vantagem no que diz respeito ao aumento da nossa rede de contactos e à forma como nos damos a conhecer nos diversos grupos onde estamos inseridas (ou onde nos vamos inserir no futuro). 

Gostaria de lhe fazer duas questões: Será que se sente satisfeita com a qualidade do seu networking / rede de contactos? Será que tem consciência da forma como somos influenciadas pelas pessoas que estão mais próximas de nós? Não sei se já alguma vez pensou nisso, mas seria “engraçado” que o fizesse.

Diz-se, em desenvolvimento pessoal, que “somos a média das 5 pessoas que nos rodeiam”. Isto é poderoso, e penso que percebemos muito bem a mensagem. Devido à necessidade de sermos aceites pelas outras pessoas, vamos moldado os nossos comportamentos até adquirirmos hábitos (físicos e mentais, o chamado “diálogo interno”, bem como as nossas crenças) que nos façam sentir semelhantes aos que nos rodeiam. É normal. Quem ousa ser diferente, tende a sofrer uma certa rejeição e vê-se “obrigado(a)” a procurar grupos de pessoas semelhantes. É normal no ser humano. Acabamos sempre por ser assim. Muitas vezes é natural e inconsciente.

Com isto quero dizer que temos todo o poder de construir e/ou escolher os nossos grupos na sociedade, no emprego, num contexto mais ou menos criativo, num âmbito mais ou menos profissional. Grupos esses que podem e devem “puxar por nós” num bom sentido. Grupos onde possamos acrescentar e trazer valor. Grupos onde a empatia e o progresso sejam as palavras de ordem. E isso consegue-se como? Temos de nos dar a conhecer. Temos de enfrentar a “vergonha” de assumir a pessoa que somos, o nosso fator de diferenciação, a nossa autenticidade, e a nossa experiência profissional e de vida. Sair da zona de conforto? Para muita gente sim… Se decidir não sair, vai acabar por fazer a sua caminhada sozinha, e isso obviamente tem as suas consequências, nos mais diversos contextos.

Vamos então a algumas “dicas” relativamente a este tema:

  1. Esforce-se por sorrir mais para as outras pessoas. Sei que estamos em período de pandemia e confinados. Sei que utilizamos máscara e que, desta forma, é mais desafiante mostrar alguma empatia. Também sei que podemos “sorrir” com os olhos e com a voz. Sei que a empatia se desenvolve de várias formas e, por isso, pode fazer um esforço por “sorrir mais” (da melhor forma que conseguir) neste momento.

  2. . Estabeleça objetivos sobre este tema. Exemplo: na próxima semana devo dar-me a conhecer a duas pessoas. O que ganha com isto? Aumenta a sua rede de contactos. O que perde? A vergonha (no bom sentido).

  3. Ganhe coragem (na minha opinião, não é preciso TANTA coragem assim…) e inscreva-se num grupo de networking. Existem vários (tanto presenciais como online) e eu, se fosse a si, aproveitaria esta realidade cada vez mais digital para avançar com a dita inscrição. É uma oportunidade para conhecer pessoas, partilhar experiências igualmente, e, quem sabe, ainda fazer algum negócio ou parceria de sucesso! Tudo isto sem sair de casa, sem ter custos de deslocação.

  4. Recorde quais são os seus pontos fortes e defina qual o seu fator de diferenciação. Este lembrete vai acrescentar ação aos seus planos no âmbito do networking e da saída da zona de conforto.

  5. Recorde também que só se vive uma vez (dizem…) e que o melhor é não perder mais tempo sem dar estes passos de coragem, porque a verdade é que provavelmente está a perder oportunidades e experiências únicas.

Gostaria de referir uma vez mais que, com o seu investimento e maior dedicação às “pessoas”, vai conseguir também trabalhar outras questões como, por exemplo, o seu posicionamento. “Que pessoa quero ser perante as pessoas que conheço? Como quero que me vejam? De que forma as poderei ajudar?” E não esqueça de uma coisa: a ajuda, a boa energia, a boa vontade, regressam sempre até nós.

Não me esqueci de algo importante! Estamos a chegar ao dia Internacional da Mulher. Faça alguma coisa por si, e saia da zona de conforto no âmbito do networking. Acredite: é algo que todas precisamos de melhorar. Conte-me como foi! Estou por aqui. Obrigada pela confiança.

Próximas acções de formação:

  • Academia online de desenvolvimento pessoal e profissional – RISING ACADEMY, já a aceitar inscrições. Mais informação aqui

Palavras-chave

Relacionados

Mais no portal

Mais Notícias

Brinquedos didáticos, livres e que estimulem a criatividade. Onde? Na Color Square

Brinquedos didáticos, livres e que estimulem a criatividade. Onde? Na Color Square

A VISÃO Se7e desta semana – edição 1616

A VISÃO Se7e desta semana – edição 1616

Acórdão no caso da queda da árvore na freguesia do Monte conhecido hoje no Tribunal da Madeira

Acórdão no caso da queda da árvore na freguesia do Monte conhecido hoje no Tribunal da Madeira

World Summit Awards: Dois projetos portugueses distinguidos em iniciativa da ONU

World Summit Awards: Dois projetos portugueses distinguidos em iniciativa da ONU

Black Trumpet: no reino encantado dos cogumelos

Black Trumpet: no reino encantado dos cogumelos

Sara Matos estreia-se na

Sara Matos estreia-se na "passerelle" em Londres

Camilla recebe amigos especiais em Clarence House

Camilla recebe amigos especiais em Clarence House

Ator da SIC casa-se em cerimónia de sonho

Ator da SIC casa-se em cerimónia de sonho

Citroën ë-C3: O elétrico que custa 23.300 euros chega em junho

Citroën ë-C3: O elétrico que custa 23.300 euros chega em junho

Afinal, nenhum tipo de toalhitas pode ser deitado na sanita

Afinal, nenhum tipo de toalhitas pode ser deitado na sanita

A reação de João Monteiro a este visual de Cristina Ferreira

A reação de João Monteiro a este visual de Cristina Ferreira

Recorde os visuais de Kate nos prémios BAFTA

Recorde os visuais de Kate nos prémios BAFTA

27 gabardinas para usar já - com ou sem chuva

27 gabardinas para usar já - com ou sem chuva

Tempos de Antena ‘Miúdos a Votos’: ‘O Monstro das Cores’

Tempos de Antena ‘Miúdos a Votos’: ‘O Monstro das Cores’

Cinco boas exposições de fotografia para ver agora

Cinco boas exposições de fotografia para ver agora

Tesla Model 3 'Highland' em teste: Este carro devia ser mais caro…

Tesla Model 3 'Highland' em teste: Este carro devia ser mais caro…

Exposição: Papier & Terre Mêlée na Ojo Gallery em Lisboa

Exposição: Papier & Terre Mêlée na Ojo Gallery em Lisboa

Tempos de Antena ‘Miúdos a Votos’: ‘Não Abras Este Livro’

Tempos de Antena ‘Miúdos a Votos’: ‘Não Abras Este Livro’

Portugal visto pelos estrangeiros

Portugal visto pelos estrangeiros

Encha a casa de verde, inspire-se na Natureza

Encha a casa de verde, inspire-se na Natureza

O Memorial da Revolução de Hugo Gonçalves

O Memorial da Revolução de Hugo Gonçalves

Os lugares desta História, com Isabel Stilwell: Elvas, capital do Império onde o sol nunca se põe

Os lugares desta História, com Isabel Stilwell: Elvas, capital do Império onde o sol nunca se põe

Os visuais da gala de aniversário da TVI

Os visuais da gala de aniversário da TVI

Cor, brilho e irreverência na passadeira dos People's Choice Awards

Cor, brilho e irreverência na passadeira dos People's Choice Awards

Tempos de Antena ‘Miúdos a Votos’: ‘O Tubarão na Banheira’

Tempos de Antena ‘Miúdos a Votos’: ‘O Tubarão na Banheira’

Desporto: 20 artigos para suar com estilo

Desporto: 20 artigos para suar com estilo

Lisboa através dos tempos na VISÃO História

Lisboa através dos tempos na VISÃO História

Tesla: novo Model Y não será lançado este ano

Tesla: novo Model Y não será lançado este ano

Imanol: Pintxos, tapas e tarte de queijo no novo balcão do Príncipe Real, em Lisboa

Imanol: Pintxos, tapas e tarte de queijo no novo balcão do Príncipe Real, em Lisboa

Inspire-se no

Inspire-se no "look" de Cláudia Vieira

A última vaga do FILMar

A última vaga do FILMar

Suicide Squad: Kill The Justice League em análise: Os (bons) maus da fita

Suicide Squad: Kill The Justice League em análise: Os (bons) maus da fita

DGS rejeita surto de sarampo de

DGS rejeita surto de sarampo de "grandes dimensões" em Portugal

Técnicos superiores de diagnóstico e terapêutica iniciam hoje greve de dois dias

Técnicos superiores de diagnóstico e terapêutica iniciam hoje greve de dois dias

JL 1393

JL 1393

Hungria recusa sanções contra colonos israelitas na Cisjordânia

Hungria recusa sanções contra colonos israelitas na Cisjordânia

BMW CE 02 em teste: diversão na cidade

BMW CE 02 em teste: diversão na cidade

Letizia recupera vestido com decote em forma de lágrima

Letizia recupera vestido com decote em forma de lágrima

MAS de Renata Cambra está impedido de concorrer às legislativas de 10 de março

MAS de Renata Cambra está impedido de concorrer às legislativas de 10 de março

Pinto da Costa comprou mais de 20% das suas ações no FC Porto neste mandato

Pinto da Costa comprou mais de 20% das suas ações no FC Porto neste mandato

A Interdecoração está de volta à Exponor

A Interdecoração está de volta à Exponor

Abrir a UE a países de África, reverter a subida de juros do BCE ou aumentar a participação na NATO. O que defendem os partidos para a política externa?

Abrir a UE a países de África, reverter a subida de juros do BCE ou aumentar a participação na NATO. O que defendem os partidos para a política externa?

Quase 2,5 milhões de pessoas vacinadas contra a gripe desde início da campanha

Quase 2,5 milhões de pessoas vacinadas contra a gripe desde início da campanha

Tempo vai mudar. O que esperar para os próximos dias

Tempo vai mudar. O que esperar para os próximos dias

José Neves demite-se da liderança da Farfetch

José Neves demite-se da liderança da Farfetch

Parceria TIN/Público

A Trust in News e o Público estabeleceram uma parceria para partilha de conteúdos informativos nos respetivos sites